Após filha vencer o câncer, mãe solo confecciona tiaras para ajudar outras meninas e precisa de apoio para projeto


Após a filhinha Sophia, de 5 anos, vencer um câncer no sistema linfático, dona de casa Isleila Nascimento, 39 anos, passou a confeccionar tiaras com o projeto Tiaras de Amor para ajudar outras meninas nesse período tão difícil. Essa foi a maneira que essa mãezona encontrou para retribuir pelo todo bem que a tiara fez à filha enquanto lutava contra o câncer há 2 anos.

“Quando ela ganhou, não tirava da cabeça! Ela se sentia bem e uma princesa”, relembra a mãe.

Ela vende as tiaras por R$ 15 e, a cada duas unidades vendidas, uma é doada para o Hospital da Criança em Brasília (DF), onde Sophia fez o tratamento e vivem atualmente.

Hoje, mãe e filha moram de aluguel numa kitnet e se mantêm apenas com uma pensão do pai da Sophia e mais um pequeno benefício do Governo, já que Isleila não pode trabalhar pois precisa cuidar da filha que após transplante de fígado, necessita de que acompanhamento médico constante. Mas só no aluguel, elas pagam R$660 e não sobra quase nada para ela investir no projeto.

O sonho dessa mãezona é montar um ateliê para confeccionar mais tiaras e ajudar mais meninas. A vaquinha é para alugarem por 2 anos uma casa maior onde possam montar o ateliê e terem mais qualidade de vida. Acompanhe o projeto pelo @tiara_sdeamor
 
O  valor mínimo da doação na plataforma é de R$25,00 por conta das taxas bancárias. Se você quiser, pode combinar com os amigos e dividir o valor entre vocês, que tal?
 
Sobre a nossa taxa: a Voaa consegue se manter com a comissão de 13% cobrada pelas campanhas na plataforma. Com ela, conseguimos remunerar os serviços de pagamento e anti-fraude, T.I, ferramentas e equipe que une suas forças para que as metas sejam batidas e os sonhos realizados. Todos os beneficiários participam da Voaa cientes dessa taxa. Saiba mais clicando aqui.

A equipe da VOAA apura todas as vaquinhas publicadas na plataforma. Acompanhamos as histórias antes, durante e após finalizar as campanhas em nossas redes sociais.

Problemas com pagamentos? Envie e-mail para [email protected] ou clique no balãozinho ao lado no nosso chat.