Vaquinha para Nilson comprar próteses e realizar sonho de carregar seu filho nos braços


Fotos: Arquivo Pessoal


Há um ano, Nilson Medeiros, 33 anos, de Campina Grande (PB) perdeu seus dois braços num grave acidente de trabalho. Até hoje, ele não recebeu amparo da empresa onde o acidente aconteceu e sonha comprar suas próteses para ter uma vida melhor.

A tragédia aconteceu um dia antes do nascimento do seu filho. Preocupado com a esposa, ele esperou o parto para dar a triste notícia a ela.

A vaquinha é para o Nilson ter suas próteses e carregar o filho que hoje já completou 1 ano. O valor também é para ajudar a família com os custos de casa, já que a esposa saiu do trabalho para cuidar do Nilson e do filho.

[Clique aqui para contribuir com a vaquinha e faça a sua doação em boleto, cartão de crédito ou Paypal]

Fotos: Arquivo Pessoal

Entenda como aconteceu o acidente

O acidente ocorreu no dia 10 de junho de 2019 enquanto ele operava uma máquina de cortes numa empresa de lingerie.

Nilson trabalhava na época em uma fábrica de lingeries, o seu trabalho era realizar cortes de espumas para preencher peças.

No entanto, de acordo com relatos do próprio Nilson, a máquina que ele utilizava era e ainda é proibida por lei e ele não possuía nenhum treinamento adequado para operá-la.

Nilson perdeu seus dois braços operando essa máquina.

[
Clique aqui para contribuir com a vaquinha e faça a sua doação em boleto, cartão de crédito ou Paypal]

Fotos: Arquivo Pessoal
Há 9 anos Nilson é casado com Luciana, 36 anos. Os dois sempre sonharam em ter um filho, desde a época de namoro. 

Para isso, mesmo depois de casados, esperaram estar financeiramente organizados para realizar esse sonho e poderem curtir o bebê com tranquilidade.
 

Nilson não recebeu indenização pela empresa e família passa por dificuldades


A esposa que antes trabalhava, teve que pedir demissão para cuidar das necessidades do esposo e também do bebezinho deles que hoje tem 1 ano.
 
“Minha vida mudou completamente, antes era nós dois trabalhando agora dependo de algumas pessoas e familiares pra sobreviver. Minha esposa teve que pedir demissão pra cuidar de mim e do nosso bebê”, desabafou Nilson.
 
A vaquinha será para as próteses do Nilson e uma parte para ele e a família se manter, já que ainda não conseguiu receber algum auxílio ou INSS pela sua atual situação.



[Clique aqui para contribuir com a vaquinha e faça a sua doação em boleto, cartão de crédito ou Paypal]

O valor mínimo da doação na plataforma é de R$25,00 por conta das taxas bancárias.

Se você quiser, pode combinar com os amigos e dividir o valor entre vocês, que tal?

A equipe da VOAA apura todas as vaquinhas publicadas na plataforma. Acompanhamos as histórias antes, durante e após finalizar as campanhas em nossas redes sociais.

Problemas com pagamentos? Envie e-mail para [email protected]