Mãe improvisa andador de PVC para filha com deficiência conseguir andar. Vamos ajudar a Larinha ter mais qualidade de vida?


Gente, olha isso! Para que a filha Larinha, de 4 aninhos, pudesse se desenvolver melhor, a faxineira Maria, de 27 anos, improvisou um andador de PVC. 

Com a ajuda de uma tia, ela pegou canos e rodinhas de alguns móveis da casa e montaram o aparelho. Mas, apesar dos esforços dessa mãezona, o andador quebrou em poucos dias.

A Larinha nasceu com uma síndrome rara que afeta todo o sistema neuromotor chamada de Pallister-Killian. Ela não tem força nas perninhas, não fala, tem convulsões e sofre deficiência intelectual. 

Para que ela possa se desenvolver melhor, Larinha precisa de fisioterapia e de um andador ortopédico. Mas, a mãe que sustenta a casa sozinha com as faxinas que consegue e com o pequeno benefício da Larinha, não tem condições de pagar pelo tratamento.

[A vaquinha é para que a Larinha tenha seu andador e sua fisioterapia para que tenha mais qualidade de vida. Vamos mudar a sua história?  Clique aqui e faça a sua doação em boleto, cartão de crédito ou Paypal] 

O valor mínimo da doação na plataforma é de R$25,00 por conta das taxas bancárias.

Se você quiser, pode combinar com os amigos e dividir o valor entre vocês, que tal?

A equipe da VOAA apura todas as vaquinhas publicadas na plataforma. Acompanhamos as histórias antes, durante e após finalizar as campanhas em nossas redes sociais.

Problemas com pagamentos? Envie e-mail para [email protected]