Vaquinha para idoso que após perder esposa, passa o dia em seu carrinho de doces para se sustentar


Há dois meses, seu Bernardo da Silva, de 75 anos, perdeu a sua grande companheira para o câncer: a sua esposa. 💔 Com o coração despedaçado, ele passou a ficar o dia todo em sua barraquinha de doces em Rio Branco, Acre, para esquecer essa dor e também conseguir um dinheiro para o alimento de casa.

O que acontece é que com a pandemia, ele que não tem aposentadoria, não tem conseguido vender seus docinhos para se sustentar. O filho dele, Francisco, de 35 anos, também tem uma barraquinha de doces, mas no mês não conseguem nem um salário mínimo, passando muitas dificuldades. Com a morte da mãe, esposa de Seu Bernardo, as coisas desandaram mais ainda em casa. “Ela era nosso alicerce, mesmo diante da dificuldade”, disse o filho.

Seu Bernardo mora com o filho numa casa totalmente velha. Não possui água encanada, energia elétrica e o banheiro é improvisado do lado de fora da casa. Além disso tudo, esse senhorzinho enfrenta uma doença muito cruel chamada Lacalioze, que causa graves lesões em sua pele.

A vaquinha é para o sustento do seu Bernardo que com tantos problemas de saúde, precisa se alimentar bem e se cuidar. Com o valor também queremos reformar a sua casinha e a sua barraquinha de doces para que eles possam voltar a vender mais e ter uma renda.

 
O valor mínimo da doação na plataforma é de R$25,00 por conta das taxas bancárias. Se você quiser, pode combinar com os amigos e dividir o valor entre vocês, que tal?
 
Sobre a nossa taxa: a Voaa consegue se manter com a comissão de 13% cobrada pelas campanhas na plataforma. Com ela, conseguimos remunerar os serviços de pagamento e anti-fraude, T.I, ferramentas e equipe que une suas forças para que as metas sejam batidas e os sonhos realizados. Todos os beneficiários participam da Voaa cientes dessa taxa. Saiba mais clicando aqui.

A equipe da VOAA apura todas as vaquinhas publicadas na plataforma. Acompanhamos as histórias antes, durante e após finalizar as campanhas em nossas redes sociais.

Problemas com pagamentos? Envie e-mail para [email protected] ou clique no balãozinho ao lado no nosso chat.